Ver o mercado de pagamentos digitais crescendo me traz satisfação não apenas pelo crescimento que a Shipay vem conseguindo neste processo, mas também por perceber claramente como o varejo pode se beneficiar com esse movimento.” – Luiz Coimbra . Co – CEO da Shipay.

Desde o início das atividades da Shipay, o foco sempre foi apoiar os varejistas e simplificar os pagamentos. Recentemente, nosso parceiro Sterna Café estampou uma reportagem da Folha de São Paulo que tratava justamente sobre como os pagamentos digitais estão facilitando a operação de pequenos negócios. 

Na matéria, a empresária e franqueada da rede, Valdirene Andrade, relatou que o sistema da Shipay facilitou muito o fechamento de caixa da loja, porque a integração alimenta o sistema de caixa automaticamente. Quando ela recebe pagamentos via cartão, por exemplo, é preciso fazer os lançamentos de modo manual. Outra informação importante compartilhada por ela à reportagem é de que, em média, a opção pelos pagamentos digitais tem crescido 15% por mês. A adesão crescente está em linha com o resultado de pesquisa feita pelo Ipec a pedido do C6 Bank: 67% dos brasileiros querem pagar suas compras no varejo com PIX

Os benefícios dos pagamentos digitais não se limitam às pequenas, médias e grandes empresas, os microempreendedores têm muitas vantagens ao oferecerem essas opções aos seus clientes. O primeiro deles é a economia de custos, tendo em vista que a operação é muito mais barata em relação aos métodos de pagamento tradicionais. Ainda que o Banco Central permita que instituições financeiras cobrem taxa pelo PIX, a concorrência acirrada faz com que a maioria das instituições mantenham as taxas muito baixas ou até mesmo isentam o comerciante dessa cobrança. No caso das carteiras digitais, o princípio é parecido e o custo é muito mais competitivo em relação aos pagamentos em crédito, débito e via boleto. 

A reportagem da Folha mostra ainda que dos 11,6 milhões de microempreendedores individuais cadastrados no Brasil, 69,4% já possuem chave PIX. Da mesma forma como a Shipay oferece soluções para varejistas de todos os portes, também temos soluções focadas nas operações dos microempreendedores. Isso facilita o recebimento de valores via PIX e carteiras digitais, com integração direta com o sistema que o microempreendedor utiliza. A grande vantagem é poder oferecer aos clientes a opção de pagar com QR Code, seja em loja física ou virtual. 

Tendo em vista a preferência dos brasileiros em usar o PIX como forma de pagamento, este é um grande diferencial para micro empresários, especialmente em um momento como o que estamos atravessando. Economia de custos e recuperação das vendas são as prioridades do microempreendedor neste momento. Vale lembrar que somente de março a julho de 2020, o Brasil teve um crescimento de 20% no número de MEIs em relação ao mesmo período de 2019. Ao todo, foram 600 mil novos entrantes, todos em busca de oportunidades com as novas demandas da pandemia. 

E neste aspecto, não dá para negar que os pagamentos digitais chegaram para ficar, tendo em vista que dão mais segurança ao cliente com as mudanças de comportamento em função do distanciamento social.

Close Bitnami banner
Bitnami