Se os meses de novembro e dezembro são aguardados com muita expectativa pelo varejo, tendo em vista datas chave como Black Friday e Natal, o mês de janeiro tradicionalmente costuma ser um período difícil para as vendas.

Isso porque existem algumas despesas já programadas para essa época, como IPTU, IPVA, dívidas com as despesas de fim de ano, matrícula escolar, etc.

Para aquecer esse mês cheio de reveses, é comum que as lojas organizem liquidações e queimas de estoque. Para esse início de 2021, é importante que os varejistas se atentem para organizarem essas liquidações de uma forma mais estratégica. Ainda que o comércio físico já tenha retomado as atividades, este é um momento que os lojistas não devem deixar de lado as operações no comércio online.

O ano de 2020 foi marcado pela total imprevisibilidade dos eventos. E se em um primeiro momento isso pegou a sociedade como um todo de surpresa, foi crucial também entender as transformações e a necessidade de se manter aberto a mudanças e adaptações. Essa premissa continua válida para 2021.

A previsão de começar a vacinar a população traz esperança a todos para o retorno de uma rotina mais flexível, mas já sabemos que a vacinação será gradual e por fases.

Além disso, pesquisa da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) aponta que o comércio eletrônico deve continuar crescendo em 2021. A pesquisa apontou que 70% dos entrevistados pretendem seguir comprando online mesmo após a vacinação. Dados do Movimento Compre & Confie apontam que o e-commerce cresceu 56,8% nos oito primeiros meses de 2020 na comparação com o mesmo período de 2019.

Com a questão das festas de fim de ano e possíveis viagens nesse período do ano, é esperado que haja um aumento no número de casos de contaminação pela Covid.

Sendo assim, o mais estratégico a se fazer é investir em experiências que levem mais praticidade e comodidade para os seus clientes. Apostar em seu planejamento de marketing para divulgar suas promoções online é um passo fundamental.

As lojas físicas, por sua vez, podem funcionar como centros de distribuição logística de mercadorias, assim você pode ganhar agilidade na entrega dos produtos.

Uma ação interessante ocorrida neste final de 2020 foi encabeçada pela Hering, que promoveu um amigo oculto virtual.

Na impossibilidade de realizar as tradicionais confraternizações de fim de ano presencialmente, a marca selecionou alguns influencers digitais que se presentearam entre si à distância com peças da marca e postaram em suas redes sociais.

O último ano foi desafiador de muitas maneiras, mas também de muito aprendizado. As marcas que não se atentarem para as mudanças nos hábitos de consumo e em questões como segurança tanto dos funcionários quanto dos clientes, com certeza sairão perdendo.

O momento é de sensibilidade e muita resiliência para atravessar todas essas mudanças.

Para dar o suporte que os varejistas precisam para ter um e-commerce dinâmico e com muitas opções de pagamento, a #Shipay oferece uma solução que integra e centraliza o recebimento de pagamentos das principais carteiras digitais do mercado, assim como faz também a integração de pagamentos feitos via PIX.

Close Bitnami banner
Bitnami